61% do eleitorado se posicionam contra voto obrigatório

Poupança tem primeira captação líquida negativa depois de 25 meses
08/05/2014
Administração: gerenciar e planejar
13/05/2014

A rejeição ao voto obrigatório no Brasil chegou ao seu maior índice este ano. Segundo pesquisa concluída do Datafolha, 61% dos eleitores são contrários a essa imposição. Conforme

prevê o artigo 14 da Constituição, o voto é facultativo apenas para analfabetos, pessoas com mais de 70 anos e os que têm 16 ou 17 anos.

O levantamento mostrou ainda que, se tivessem opção, 57% dos eleitores não votariam no próximo dia 5 de outubro, outro recorde. A pergunta sobre comparecimento é feita desde 1989. Nas investigações anteriores, o total dos que não votariam se não houvesse obrigatoriedade nunca superou 50%.

Segundo o Datafolha, que ouviu 2.844 pessoas em 7 e 8 de maio, no grupo dos que têm entre 16 e 24 anos, a rejeição é de 58%. Já no eleitorado mais maduro, de 45 a 59 anos, a opinião desfavorável à obrigatoriedade passa para 68%.